Publicidade


Ações estimulam a arrecadação de potes de vidro e doação de leite materno; saiba como fazer entrega

17 maio 2022|Postado em:RECIFE


Publicidade



 

Ações estimulam a arrecadação de potes de vidro e doação de leite materno; saiba como fazer entrega

Leite materno – Foto: Miva Filho/SES-PE

A iniciativa beneficiará bebês prematuros que estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) Neonatal da cidade

Em alusão ao Dia Mundial da Doação de Leite Humano, celebrado nesta quinta-feira (19), uma série de ações estão sendo realizadas no Recife com o objetivo de conscientizar, arrecadar potes de vidro e estimular a prática da doação do leite materno.

Com o tema “Doação de Leite Humano: Gotas de Amor para um Mundo Melhor”, a iniciativa, promovida pela gestão da capital pernambucana, beneficiará bebês prematuros que estão internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) Neonatal da cidade.

Em locais descentralizados do Recife (confira endereços abaixo), haverá palestras, roda de conversas, debates e capacitação para profissionais de saúde e público geral.

A Prefeitura do Recife lembra que as quatro maternidades municipais da capital (Arnaldo Marques, Bandeira Filho, Barros Lima e Hospital da Mulher) fazem coleta de leite humano e duas delas possuem banco de leite: o Hospital da Mulher do Recife (HMR), no Curado, e a Maternidade Bandeira Filho, em Afogados, ambos na Zona Oeste do Recife.

Quem quiser doar leite humano na Maternidade Bandeira Filho deve entrar em contato pelo número (81) 3355-2235 para receber as orientações.

Já o banco do HMR funciona 24 horas por dia para atendimento aos recém-nascidos. Para doações, o funcionamento é das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira.

Pelo número (81) 2011-0174, são esclarecidas questões como ordenha, armazenamento e transporte do leite humano. O hospital dispõe de cadastro para o recolhimento das doações em domicílio.

Já as doações de potes podem ser feitas em qualquer uma das unidades de saúde municipais. Eles precisam ser de vidro, transparente, com boca larga e possuir tampa rosqueável de plástico – como os vidros de maionese ou café solúvel, por exemplo. Esses requisitos se devem à resistência desse tipo de recipiente aos processos de esterilização, necessários para armazenar o leite.

Após coletado, o leite passa por um conjunto de exames e procedimentos, com processo de seleção, classificação, testes de acidez e nutrientes. Em seguida, é feita a pasteurização e o controle final de qualidade que certifica todo o processo.

Confira a programação completa: 

 

Terça-feira (17)

Relato de caso: como virei uma doadora de leite humano. Local: Maternidade Barros Lima, em Casa Amarela, às 15h.

Palestra “A importância do incentivo para doação de leite humano junto às pacientes”. Local: Maternidade Professor Arnaldo Marques, no Ibura, às 9h.

Roda de conversa sobre doação de leite humano e captação de vidros para pasteurização do leite. Local: Hospital do Idoso, em Areias, às 9h.

 

Quarta-feira (18)

Caminhada da amamentação. Local: Maternidade Barros Lima, em Casa Amarela, às 9h.

Palestra “A importância do incentivo para doação de leite humano junto às pacientes”. Local: Maternidade Professor Arnaldo Marques, no Ibura, às 9h.

Roda de conversa sobre doação de leite humano e captação de vidros para pasteurização do leite. Local: Hospital do Idoso, em Areias, às 9h.

 

Quinta-feira (19)

Fórum internacional da Rede Global de Bancos de Leite Humano. Tema: “Doação de Leite Humano: Gotas de Amor para um Mundo Melhor”. Online, no youtube, a partir das 10h.

Palestra “A Importância da Doação do Leite Humano”. Local: Hospital da Mulher do Recife, no Curado.

 

Sexta-feira (20)

Roda de Conversa: mitos e verdades da amamentação. Local: Maternidade Barros Lima, em Casa Amarela.

Palestra “A conscientização das puérperas sobre a importância da doação de leite humano”. Local: Maternidade Professor Arnaldo Marques, no Ibura, às 9h.

 

Segunda-feira (23)

Capacitação dos profissionais de saúde. Local: Upinha Rio da Prata, no Ibura, às 14h.

Quarta-feira (25)

Capacitação dos profissionais de saúde. Local: USF Vila do Sesi, no Ibura, às 14h.

 

Sexta-feira (27)

Capacitação dos profissionais de saúde. Local: Upinha Rio da Prata, no Ibura, às 14h.

Roda de conversa sobre aleitamento humano. Local: USF Sítio Grande, na Imbiribeira, às 9h.

 

 

Fonte: Folha de Pernambuco

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: