Publicidade


Escola Cívico-Militar do Jaboatão recebe certificado no Palácio do Planalto

25 nov 2021|Postado em:Jaboatão dos Guararapes

Escola Cívico-Militar do Jaboatão recebe certificado no Palácio do Planalto

Foto: Divulgação

O prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, participou de cerimônia no Palácio do Planalto, nesta quarta-feira (24), onde recebeu o certificado de implantação da Escola Cívico-Militar Natividade Saldanha, em reconhecimento ao cumprimento das etapas do processo, conforme os critérios do Programa das Escolas Cívico-Militares (Pecim). A cerimônia foi comandada pelo presidente Jair Bolsonaro e reuniu representantes de 43 das 54 escolas de todo o País que adotaram o modelo de ensino.


Publicidade



Anderson Ferreira ressaltou que a educação é uma prioridade da sua gestão e destacou o trabalho desenvolvido pela equipe na implantação e funcionamento da unidade escolar. “Quando recebemos a notícia de que Jaboatão teria uma escola cívico-militar, a aceitação foi imediata entre os funcionários da Escola Natividade Saldanha, entre os alunos e suas famílias. Agilizamos a implantação, capacitamos os profissionais e, hoje, estamos recebendo o reconhecimento pelo trabalho realizado. Os avanços já são percebidos e a participação de todos que fazem parte desse projeto nos dá muito orgulho”, disse o gestor.

A Escola Cívico-Militar Natividade Saldanha está em funcionamento desde 2020, a única no estado de Pernambuco, e conta com 628 alunos matriculados nos anos finais do Ensino Fundamental. A Certificação do Nível Básico, concedida pela Diretoria de Políticas para Escolas Cívico-Militares (Decim), está baseada nos avanços dos objetivos, nas iniciativas estratégicas, nas metas alcançadas e nas ações elencadas no Planejamento Estratégico.

Colaboração-Carlos Cavalcanti/Assessor de Imprensa

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: