Publicidade


Governo Federal passou o pente-fino até mesmo nos benefícios por ordem judicial em Pernambuco

16 abr 2017|Postado em:Notícias

Talita Barbosa

O Governo Federal realizou um pente-fino em benefícios concedidos há mais de dois anos por ordem judicial sem que uma data limite para findar o pagamento tivesse sido estabelecida. Das 1.281 perícias realizadas nos auxílios em Pernambuco, 981 resultaram em cancelamentos. Em todo o País, a ação resultou na anulação de 73.352 auxílios, o que representa 84% do total.


Publicidade



A ausência de convocados levou à rescisão de outros 230 benefícios só no Estado. Cerca de 79 foram convertidos em aposentadoria por invalidez, 37 em auxílio-acidente, 5 em aposentadoria por invalidez com acréscimo de 25% no valor do benefício e 179 pessoas foram encaminhadas para reabilitação profissional. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), a medida trará uma economia anual de 20,5 milhões, apenas em Pernambuco. Ainda serão revisados, em até dois anos, 14.127 benefícios no Estado. Foram convocados 530 mil beneficiários que recebem o auxílio-doença em todo o Brasil, e realizadas, até o momento, 87.517 perícias. Nacionalmente, a economia com a revisão dos benefícios por incapacidade já é de R$ 1,6 bilhão aos cofres da União.

Leia mais no JC Online

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: