Publicidade


Inversão de prioridades em Tabira teve festa de Carnaval sem licitação e não faz o mesmo para compra de medicamentos

4 abr 2017|Postado em:Sertão

Prefeitura de Tabira dispensa licitação para contratar bandas do Carnaval e não faz o mesmo para adquirir medicamentos, afirma advogado – Pelo Movimento Viva Tabira, o advogado Felipe Cordeiro falou ontem a Rádio Cidade FM. Dr. Felipe disse que durante 4 meses vinha alertando a Comissão de Licitação da Prefeitura de Tabira para cumprir a lei no quesito transparência para a aquisição de medicamentos, com despesas de R$ 5 milhões de reais.

O Juiz André Simões Nunes, juiz de Tabira, concedeu a medida liminar e a licitação está suspensa. Citou ter formalizado na data de 06 de dezembro duas notificações sobre o edital. Sobre a necessidade de comprar os medicamentos, o advogado deixou claro que a aquisição pode ser feita de forma emergencial. Ele até lembrou que para contratar Bandas e palcos para o carnaval gastando R$ 300 mil reais a Prefeitura não promoveu licitação.

Isso é uma inversão de prioridade, disse o representante do Movimento Viva Tabira. Falando sobre as críticas do líder do Governo Marcilio Pires que responsabilizou a oposição de Tabira pela falta de medicamentos nos postos e hospital, Felipe Cordeiro disse que o parlamentar agiu de forma desequilibrada e desonesta. Dr. Marcilio já pediu espaço no Programa Cidade Alerta para responder.

Do Rádio Vivo

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: