Publicidade


Movimento Pró-Criança doa alimentos a famílias desabrigadas no Grande Recife

31 maio 2022|Postado em:Notícias, RECIFE


Publicidade



 

Movimento Pró-Criança doa alimentos a famílias desabrigadas no Grande Recife

Os kits com itens como arroz, feijão, frutas e ovos vão ajudar cerca de 50 famílias (Divulgação)

A solidariedade está no DNA do Movimento Pró-Criança e não poderia ser diferente diante de uma situação de calamidade, como a que a Região Metropolitana do Recife vem passando neste período chuvoso. Nesta segunda-feira (30), a instituição deu início a ações emergenciais na capital e em Jaboatão dos Guararapes com o intuito de socorrer os mais vulneráveis.

No Recife, o Pró-Criança fez uma doação de alimentos. Os donativos foram enviados ao Oratório da Divina Providência, uma das entidades parceiras do Pró-Criança, em Campina do Barreto.

Os kits com itens como arroz, feijão, frutas e ovos vão ajudar cerca de 50 famílias que perderam os poucos bens que tinham, depois das fortes chuvas. São mães, pais e responsáveis dos educandos dos cursos gratuitos de teatro e dança que o Pró-Criança e o Oratório mantêm na comunidade, mas também outras pessoas que vivem no entorno e não são beneficiárias diretas das ONGs.

Em Jaboatão dos Guararapes, a equipe da Unidade Piedade visitou 20 famílias de uma ocupação que fica nas proximidades do prédio, na comunidade Dom Hélder, no bairro de Piedade. Além de levar um pouco de esperança e acolhimento, os colaboradores do Pró-Criança doaram cestas de alimentos que incluíam salsicha, macarrão e biscoitos às famílias que vivem em situação de extrema pobreza.

Como ajudar

Os interessados em fazer doações podem procurar o setor psicossocial de uma das três unidades da ONG pelo WhatsApp:

Unidade Coelhos: (81) 98802.9574ongs

Unidade Recife Antigo: (81) 98802.9576

Unidade Piedade: (81) 98865.9756

 

Fonte: Diario de Pernambuco

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: