Publicidade


Agendamento para castração gratuita de cães e gatos começa nesta quinta

31 maio 2017|Postado em:Notícias

A Secretaria Executiva de Direitos dos Animais disponibiliza 50 vagas por dia, nas manhãs de segunda a sexta-feira. As cirurgias são realizadas no CVA

A Prefeitura do Recife, através da Secretaria Executiva de Direitos dos Animais (Seda), inicia, nesta quinta-feira (1º), os agendamentos de castrações gratuitas de cachorros e gatos para o mês de junho. São disponibilizadas 50 vagas por dia, nas manhãs de segunda a sexta-feira. As cirurgias são realizadas por sete veterinários da Seda no Centro de Vigilância Ambiental (CVA) da Prefeitura do Recife, localizado na Avenida Antônio da Costa Azevedo, n° 1.135, Peixinhos. Desde outubro de 2013, a Seda já realizou mais de 13 mil castrações de caninos e felinos, machos e fêmeas.

Os moradores da cidade do Recife podem agendar a castração pelos telefones 3355-8639 e 3355-9413, das 8h às 12h e das 14h às 17h. Quando todas as cerca de mil vagas disponibilizadas para o mês são preenchidas, suspende-se a marcação e o interessado deve voltar a ligar no 1º dia útil do mês seguinte. Através desse contato, os tutores são orientados sobre o pré-operatório e sobre a documentação que precisa ser levada no dia da cirurgia do animal.

Na data agendada, os cachorros e gatos são avaliados pelos veterinários da Seda para saber se estão aptos a realizar a cirurgia. Em caso positivo, o animal é submetido à operação e retorna para casa no mesmo dia. Todos os cães e gatos castrados recebem um microchip para identificação individual. Através do número desse microchip, que é intransferível, é possível obter as informações do tutor do animal. Caso o bicho de estimação perca-se, é mais fácil localizar o tutor.

TAMARINEIRA – A Seda firmou uma parceria com o Hospital Ulysses Pernambucano (HUP), na Tamarineira, para castrar, nesta sexta-feira (2), cerca de 50 gatos existentes na unidade estadual de saúde. Os felinos interagem bem com os pacientes, mas o hospital psiquiátrico optou por fazer o controle populacional para não superlotar o espaço. Os animais ainda passarão por consulta clínica para diagnóstico de enfermidades.

Fotos: Irandi Souza/PCR

Sofia Costa Rêgo
Assessora de Imprensa
Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos
Secretaria Executiva de Direitos dos Animais
Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*