Publicidade


Obra de esgotamento sanitário é iniciada no bairro de Boa Viagem

22 maio 2020|Postado em:Uncategorized


Publicidade



Fotos:Divulgação

Investir em obras de esgotamento sanitário tem sido uma prioridade do Governo de Pernambuco, que tem desenvolvido projetos por todo o estado com o objetivo de levar mais saúde e qualidade de vida à população. Na última semana, a Compesa iniciou mais uma etapa das obras de ampliação dos serviços de saneamento que irão beneficiar os bairros de Boa Viagem e Imbiribeira, onde se concentra um grande contingente populacional.

As intervenções estão sendo executadas nas ruas Jorge Couceiro da Costa Eiras e Tenente Domingos de Brito, em Boa Viagem, e devem durar 60 dias. Durante este período, haverá a interdição parcial desse trecho, estando a área de influência da obra devidamente sinalizada. A iniciativa consiste na implantação de 312 metros de rede coletora de esgoto, que serão somados aos mais de 100 quilômetros de tubulações já assentadas. Para causar o menor impacto possível aos moradores, a Compesa está realizando trabalho social para informar sobre a importância da obra e prazo para conclusão. Também vem sendo adotada uma estratégia de comunicação junto aos órgãos e empresas que têm interface com os serviços, a exemplo da Prefeitura da Cidade do Recife e da Copergás, dentre outros, para alinhamento da execução dos serviços.


Publicidade



“A obra é muito importante, mas entendemos que os moradores, órgãos e empresas que interagem com as ações da Companhia precisam estar bem informados sobre o empreendimento e o desenvolvimento de todas as etapas necessárias até o término das intervenções”, observa o diretor Técnico e de Engenharia da Compesa, Flávio Figueiredo. As obras são financiadas com recursos do Orçamento Geral da União (OGU), por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), e Governo do Estado, no valor de R$ 70, 5 milhões.

A expectativa é de que as obras de ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário dos bairros de Boa Viagem e Imbiribeira sejam finalizadas no final do próximo ano, quando serão beneficiados mais de 150 mil moradores. Ainda serão assentadas aproximadamente 20 quilômetros de tubulações para ramais de calçada e mais 11 quilômetros de rede coletora, como as que estão em execução nas ruas Jorge Couceiro da Costa Eiras e Tenente Domingos de Brito. Para complementar o novo sistema, serão construídas oito estações elevatórias de esgoto (unidades de bombeamento).

Com tudo pronto, a Compesa terá capacidade de tratar uma vazão de aproximadamente 500 litros de esgoto por segundo, a ser direcionada para a Estação de Tratamento de Esgoto Cabanga, que por sua vez também está sendo modernizada para ampliar a sua capacidade de atendimento. “Recebemos orientação do governador Paulo Câmara para executar projetos e obter recursos que visem à ampliação dos serviços de saneamento, essenciais para a população pernambucana. Um conjunto de obras de esgotamento sanitário vem sendo executado por meio do Programa Cidade Saneada que prevê investimentos nos 15 municípios da RMR”, destaca Flávio Figueiredo.

Colaboração da Assessoria


Publicidade



Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: