Publicidade


Olinda, Jaboatão e Paulista decretam “situação de emergência” por causa das fortes chuvas

29 maio 2022|Postado em:Notícias


Publicidade



Deslizamento de barreira no Córrego do Abacaxi, em Caixa D´Água – Foto: Alexandre Aroeira/Folha de Pernambuco

Até o momento, mais de 30 pessoas morreram em decorrência das chuvas desta semana

Os municípios de Olinda, Jaboatāo dos Guararapes e Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR), decretaram, neste sábado (28), situação de emergência devido às consequências das fortes chuvas que atingem as cidades desde o início desta semana.

Em Olinda, de acordo com o secretário de Defesa Civil do município, coronel Carlos D’Albuquerque, além de prever o reforço por parte de outras esferas da União, o decreto também possibilita mais rapidez nos processos de contratação de pessoas e compras de suprimentos e insumos. O decreto tem a duração prevista de 120 dias, podendo ser revogado ou prorrogado por igual período, dependendo da necessidade.

Em Jaboatão, o decreto, assinado pelo prefeito Mano Medeiros, foi publicado em edição extraordinária do Diário Oficial neste sábado, garantindo mais agilidade à gestão municipal para tomar todas as medidas administrativas necessárias para minimizar os transtornos e apoiar a população. No município, foram registrados mais de 260 mm de chuvas, nas últimas 24 horas, maior índice em 30 anos, segundo a gestão municipal.

De acordo com a Prefeitura da cidade, o o ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira Bento, em Jaboatāo, deverá estar na cidade neste domingo (29) para, ao lado prefeito, anunciar medidas emergenciais.

Segundo a prefeitura, equipes da Defesa Civil de Jaboatão atendem mais de 500 chamados, dando prioridade aos casos de vítimas de queda de barreiras. Imóveis estão sendo interditados e os desabrigados acolhidos em abrigos, onde recebem alimentos, produtos de higiene e limpeza. Os desalojados são orientados se abrigarem em casas de familiares.

A gestão municipal também disponibiliza pontos para doações de alimentos não perecíveis, água, roupas, produtos de higiene e limpeza. Os locais de coleta são no Shopping Guararapes, das 9h às 20h, e na Rua Coronel Francisco Galvão, 769, Piedade, das 8h às 20h.

A Defesa Civil do Jaboatāo orienta os moradores de áreas de risco a irem para locais mais seguros, pois estão previstos 100 mm de chuvas até este domingo (29). Casos de emergência podem ser comunicados pelos números 0800 281 2099 e 99195-6655.

A Prefeitura de Paulista também decretou situação de emergência na cidade devido às fortes chuvas. O decreto autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob a coordenação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil.

A medida foi tomada com o intuito de dar agilidade às ações do governo municipal no enfrentamento dos problemas, considerando os danos materiais em residências, vias públicas, pontes e equipamentos públicos diversos, e a iminente necessidade de amparar e auxiliar a parcela da população afetada.

O cidade convoca voluntários para reforçar as ações de reposta aos desastres e autoriza a realização de campanhas de arrecadação de recursos junto à comunidade, com o objetivo de facilitar as ações de assistência à população afetada, sob a coordenação da Secretaria de Políticas Sociais e Direitos Humanos.

Mortes

Trinta e três pessoas morreram em decorrência das chuvas desta semana no Recife e Região Metropolitana. Somente neste sábado (28), foram confirmadas 28 mortes, que somadas as outras cinco registradas nos últimos dias, chegam ao total de 33 óbitos no Estado, segundo a Defesa Civil de Pernambuco.

Fonte: Folha de Pernambuco

Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: