Publicidade

Publicidade


Pernambuco prorroga campanhas contra poliomielite e de multivacinação até 31 de outubro e alerta a população sobre a importância da imunização; confira locais

1 out 2022|Postado em:Notícias

 

Foto: Divulgação.

A cobertura vacinal para poliomielite ainda está abaixo da meta estipulada pelo Ministério da Saúde (MS), que é de 95%.

Pernambuco anuncia a prorrogação, até 31 de outubro, das campanhas de Multivacinação e de Imunização contra a Poliomielite. A cobertura vacinal para poliomielite ainda está abaixo da meta estipulada pelo Ministério da Saúde (MS), que é de 95%.

Desde o mês de agosto, início da mobilização nacional, o Estado alcançou a imunização de 71,62% (385.915 doses aplicadas) do público-alvo elegível: crianças na faixa etária de 1 a 4 anos. Até o momento, dos 184 municípios, apenas 53 deles atingiram a meta de cobertura (ver listagem em anexo).

A preocupação da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) é alertar a população pernambucana sobre a importância da imunização dos públicos-alvo das campanhas, visando à manutenção da eliminação da poliomielite, que por sua vez só é possível diante das altas coberturas vacinais.

A falta de imunização de uma parcela importante de nossa população, possibilita a reintrodução de doenças evitáveis por meio da vacina, podendo provocar adoecimentos graves e até mesmo o óbito. A poliomielite é uma doença gravíssima e que ainda circula em dois países no mundo, como o Paquistão e o Afeganistão, onde são consideradas endêmicas. Ano passado, foram identificados dois casos do poliovírus selvagem (PVS), um no Malawi e outro em Moçambique, áreas que até então eram consideradas livres da circulação do vírus”, frisa a superintendente de Imunizações do Estado, Ana Catarina de Melo.

O Brasil não detecta casos de poliomielite desde 1990. No ano de 1994, o país recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) a Certificação de área livre de circulação do PVS.

No Estado, 538.868 crianças de 1 a 4 anos de idade estão aptas a receber a vacina de proteção contra a poliomielite. Nesta faixa etária, a imunização acontece de modo indiscriminado, ou seja, independente de situação vacinal anterior. Já na estratégia de multivacinação, a população-alvo são crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias), não vacinados ou com esquemas vacinais incompletos, de acordo com o Calendário Nacional de Vacinação.

Mães, pais, ou responsáveis precisam buscar os postos de saúde e pontos de vacinação nas cidades onde residente munidos da caderneta de vacinação das crianças e adolescentes para efetuar a proteção contra outras doenças imunopreveníveis, como: hepatites A e B, rotavírus humano, BCG, pneumocóccica, pentavalente, meningocócica, febre amarela, tríplice viral, varicela e DTP.

Parcial Poliomielite PE

População geral 538.868

Cobertura geral 71,62% (385.915 doses aplicadas)

Por faixa etária

  • 1 ano 73,68% (94.656 doses aplicadas)
  • 2 anos 68,41% (94.179 doses aplicadas)
  • 3 anos 69,04% (95.654doses aplicadas)
  • 4 anos 75,59% (101.426 doses aplicadas)
Compartilhe:

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*


%d blogueiros gostam disto: